sábado, 23 de abril de 2011

passeio de trem serra do mar

#turistando

Essa semana meus papis vieram passar uma semana aqui comigo em Curitiba e aproveitamos para usar nossos cupons do peixe urbano que tínhamos comprado no começo do ano para fazer um passeio de trem!
Fizemos o passeio com o trem Serra Verde Express - Trem da Serra do Mar (PR) destino Curitiba/ Morretes.
O trem partiu bem cedo, 8h15 da manhã de terça feira (dia 19) lá estávamos nós embarcando na nossa viagem!
Muitos turistas e excursões preencheram 05 vagões, ficamos no vagão 03 e com a gente embarcaram 4 alemães que não paravam de tagarelar entre si hehe, eu tava muito curiosa para falar com eles e saber de onde eram, no fim acabou que um deles estudava em Curitiba e já falava português, e pediu para trocarmos de lugar com ele pois eles estavam separados e como ele ia ser o guia dos amigos queria ficar próximo, trocamos pq meu pai tb tinha ficado meio longe e no fim deu tudo certo, tudo se ajeitou e eu me acostumei com a falação deles.
Fomos na classe turística, tem a economia e luxo, na turística eles oferecem um guia (que ficou mais fazendo piadas no microfone do que sendo guia) detalhe ele era de Londrina, no pacote eles tb oferecem lanchinho, pois são 3 horas de viagem a no máx 20km/h. No começo achei que ia ser muito lento, mas as coisas passam rápido e é bem dificil fotografar tudo, ainda mais se o dia estiver nublado :/. O caminho é bem intenso, passamos por abismos, dentro da área preservada de mata atlântica e percorremos uma das obras primas ferroviárias do Brasil. É uma viagem no tempo.


Chegando em Morretes o clima estava bem abafado, e dali um tempinho começou a chover...eu já tinha visitado a cidade anteriormente só que muito rápido num dia a noite que ficamos perdidos na estrada da Graciosa com nossos amigos...desta vez vi mais coisas mas é aquilo, cidade super pacata, histórica e cheia de pessoas andando de bicicleta. Eu já visitei outras cidades históricas, como Ouro Preto -MG, mas posso afirmar que Morretes é bemmm mais pacata e na qualidade histórica tb deixa um pouco a desejar.

O passeio por lá nem dura muito pois chegamos 11h40 e o trem de volta partia as 15h, mas é tempo suficiente para almoçar e dar um volta na praça/centro da cidade. O prato típico da cidade é o Barreado, que é carne de panela cozida com legumes e temperos etc. Mas acabamos pedindo iscas de peixe que tb é um prato comum na região. De típico ficamos com a sobremesa que o garçom todo ensaiado nos ofereceu, a Banana Flambada com uma bola de sorevetE de cremE artesal e com duas colheres de calda quentE ! Eu gostei bastante da sobremesa, recomendo para quem visitar a cidade!


Na volta o tempo conseguiu piorar, aí que não deu pra ver mais nada no entanto o vagão estava bem mais vazio e confortável...ótimo para cochilos!


"e o meu corção embora, finja fazer mil viagens, fica batendo parado, naquela estação" (João Donato / Caetano Veloso / Ronaldo Bastos)
"Você entrou no trem, e eu na estação vendo um céu fugir, também não dava mais para tentar
lhe convencer a não partir." (na voz de Adriana Calcanhoto)

Um comentário:

mel disse...

realmente, um passeio que nunca vou esquecer!